Sexta-feira, 13 de Fevereiro de 2009

Até onde vai a nossa fantasia e tolerância?

 

 

Hoje, ao passar pelos destaques do SAPO, encontrei um post com um nome sugestivo: E você está contente com as suas maminhas?, no post discutia-se o facto de uma mulher ter decidido tirar uns dias para fazer um implante mamário e aumentar os seios, dei-me ao trabalho de ler as dezenas de comentários... é claro que há ideias para todos os gostos.

 

Chamou-me a atenção algo em especial, no meio dos muitos comentários, as mulheres dizem que o fariam porque gostam de se olhar ao espelho e ver algo agradável, as que nunca o fariam porque as pessoas devem sentir-se bem consigo mesmas, as que se tivessem dinheiro para tal o gastariam de uma forma mais adequada... há de tudo e para todos os gostos. A maioria passou ao lado de uma parte importante do post... então e se for o marido a pedir? quem se referiu a essa parte do post, disse que não o faria, se ele não gostasse, paciência, mas será assim tão simples?

 

O ser humano vive principalmente em função dos sentidos, o que observamos e sentimos é muito importante, estes dias discutíamos o facto de gostarmos ou não de pornografia e  da sua importância nas nossas fantasias.... mas o que acontece quando tentamos transportar para as nossas vidas os modelos de perfeição que encontramos nos filmes e nas fotografias? E se um dia nos pedirem para aumentar os seios, ou para colocar uma prótese para aumentar o tamanho do pénis?, ou para tomar viagra de modo a aumentar o nosso desempennho?... estamos dispostos a isso em prol de uma vida sexual mais preenchida? Até onde vai a nossa fantasia e tolerância? Estavamos dispostos a arriscar que fossem procurar esse ideal noutro lado?

 

Nai 

 

 

publicado por naiguata às 23:33
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
Quarta-feira, 28 de Janeiro de 2009

Geme... geme que eu gosto! Mas baixinho!

é quando apetece e não dá!

 

Qual é a coisa, qual é ela, que não é tabu mas ninguém fala nela?
Exactamente! Era nisso mesmo que estava a pensar...


Quando os papás estão no truca-truca e são apanhados em flagrante!

 

Claro que posso começar por quando nós apanhamos os nossos papás nessa coisa do truca-truca!
Quase todos já ouviram os pais no bem bom. Em algum momento da nossa vida, lá os conseguimos ouvir, ou pelo menos temos reminiscências na memória de os ter topado alguma vez!
Provavelmente, até comentamos isso com amigos, enquanto jovens... porém, depois de crescidos, chega a nossa vez! E vai daí... sexo em casa, com menores a dormir, passa a ser um filme muito giro. Controlar os gemidos. Evitar dar estocadas com força - porque, ao contrário dos outros dias, a cama faz um barulho infernal -, aguentar-se naqueles momentos em que se está mesmo, mesmo afim...e não pode ser, enfim, faz-se de tudo para "tentar" não ser topado.


Acredito que todos, ou grande maioria, passa por este tipo de autocontrolo, e prova disso é a forma como falamos entre amigos o bom que vai saber o tal fim-de-semana sem os miúdos!
Mas vamos elevar a parada: E ser-se apanhado em flagrante pelos miúdos? Upa upa! Disto parece ninguém falar, e custa-me acreditar que não aconteça!
Como é que se lida com isto? E a idade das crianças, permite explicar?
Enfim... coisas que não são tão tabu como fazer strip por webcam, mas vai daí... ninguém fala disso. Será que é assim, tão... constrangedor?

Ou será que há quem consiga falar nisso?

 

 

AlfmaniaK

sinto-me: Tabu?
publicado por AlfmaniaK às 23:22
link do post | comentar | ver comentários (18) | favorito
Domingo, 28 de Dezembro de 2008

CONSULTÓRIO SEXUAL

 

 “Conselhos de Sue”  é um programa da Sic Mulher que devia ser visto com atenção por ambos os sexos.
É um consultório sexual com uma avozinha toda dinâmica, sem teias de aranha nem tabus, onde todos os pormenores íntimos são examinados com minúcia e naturalidade, e até tem acessórios e bonequinhos para dar ideias e exemplificar as posições. É original, interessante, pedagógico e cómico pela sua desinibição absoluta.
O que me causou mais curiosidade foi as perguntas que ela não soube responder e que vou aqui reproduzir a ver se alguém consegue esclarecer-nos e aumentar os nossos conhecimentos de sexologia.
Uma mulher queixava-se que depois de cada noite de sexo, com prazer, com orgasmo, com tudo a que tinha direito, no fim acontecia-lhe sempre a sua vagina prender o pénis dele como uma tenaz, não o deixando libertar-se. Era uma contracção involuntária que ela não sabia explicar e que causava grande incómodo a ambos, que ficavam ali atrelados de uma forma bastante original mas dolorosa até que a pressão abrandasse.
Sue, a tal conselheira, disse que só conhecia o problema do vaginismo, que é uma contracção involuntária dos músculos da vagina que impede a introdução do pénis, e não a saída dele.
O vaginismo é o resultado do desejo inconsciente da mulher para evitar a relação sexual. Uma mulher pode desenvolver vaginismo se o sexo for doloroso ou indesejado, e a contracção torna impossível a penetração. Não se justificava neste caso em que havia um relacionamento saudável e de prazer mútuo. Ficámos sem saber a causa desta anomalia, mas achei extremamente engraçado a iniciativa de impedir a retirada do “coiso” ! Ora aí está uma vagina inteligente, cheia de personalidade, que sabe o que quer e não larga!
Já ouviram falar nisto? Ou melhor, já lhes aconteceu?
Contem-me tudo, façam o vosso diagnóstico!
 
(Os outros casos ficam para os próximos posts).

 

sinto-me: Curiosa
publicado por Pandora às 00:06
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

.mais sobre mim

. online

.pesquisar

 

.Maio 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Até onde vai a nossa fant...

. Geme... geme que eu gosto...

. CONSULTÓRIO SEXUAL

.mais comentados

.arquivos

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

.tags

. todas as tags

.links

.últ. comentários

Estás como eu!Várias pontadas sinto sempre, nunca ...
ttp://www.soparaela.net/Sex Shop SoParaEla.Net, a ...
sem qualquer sombra de duvidas. concordo completam...
Os homens não contam por uma questão de orgulho. P...
Orgasmo masculino de verdade só com Aneros: http:/...
bom blog
bom blog
ConviteO livro "Continuando assim...", foi maltrat...
Technorati Profile

.subscrever feeds