Quarta-feira, 25 de Fevereiro de 2009

Sexo com humor

Fazer sexo é bom! Com amor, ainda melhor... e com humor?
A intimidade durante o acto sexual pressupõe alguma seriedade, portanto o humor parece não ter espaço, porém o mesmo acto pressupõe ser divertido.

 

Confesso que me faz espécie o sexo com diversão acrescida do parceiro, ou seja: quando este se ri (ei. uma boa gargalhada) de forma saudável!
Acho que me faz espécie porque o esperado são gemidos de prazer, gestos de ternura e/ou cenas com alguma conotação lamechas (mimos) bem sexuais. Não espero que haja uma "gargalhada", reflexo de alguma tirada ou piropo bem divertido, porque se era um piropo conscientemente engraçado, a ideia não é rir, mas colocar uma pitada de bom humor e, consequentemente, boa disposição.

Enfim, o certo é que a gargalhada - se exagerada - mata o ambiente. Não é uma regra, mas dependendo do estado de espírito, pode contribuir para um esforço sôfrego na performance. Como exemplo, dou a minha experiência, na qual é recorrente nos preliminares haver uma resposta, digamos, demasiada divertida. Se por um lado gosto, por outro fico com a ideia que "ela" não está nem aí para o sexo. Bom, isto não se aplica, se também estiver claramente divertido, óbvio!

 

Seja como for, se houver quem se incomode com estas coisas, parece-me que não é conversa nem expõe a sua posição. Consequentemente, parece que os parceiros ignoram se incomoda ou não. E depois lembro-me de casos possíveis em que o parceiro desata a rir porque se lembrou de algum disparate, rindo-se de forma involuntária durante o acto.  Já para não falar dos orgasmos acompanhados de valentes gargalhadas... porque não se consegue evitar. E isto parece-me ser a gota d'água! Ou há seriedade e rigor, ou então mais vale brincar com a mão... estou a fazer birra, não estou?

AlfmaniaK

sinto-me: Crap!
publicado por AlfmaniaK às 10:53
link do post | comentar | ver comentários (19) | favorito
Quinta-feira, 25 de Setembro de 2008

ENGATES ELABORADOS

 

 

 

 

Então aqui está a prometida continuação do desfile de cromos. Venha o diabo e escolha!
 
- O garanhão, papa-todas, que diz ter sempre “sussexo com as gajas” (frase de Zezé Camarinha), que se gaba das suas técnicas irresistíveis, que nenhuma lhe escapa, que se lhe atiram aos pés, que avia 3 de seguida e as que mais vierem, que conta que até já papou a mãe e a irmã do…
 
- O coitadinho, tão tímido, sensível, meigo e azarado, quer colo, mete dó.
A sua táctica é chorar as suas mágoas no ombro das meninas, e explicar gaguejando que não quer chatear mas precisa de desabafar, a sua namorada traiu-o com o melhor amigo, ou nunca arranjou namorada por ser tão envergonhado, e sofre imenso com a solidão e com a sua falta de jeito, claro que sabe que não tem charme, mas é um óptimo ouvinte e pelo menos tem jeito para ser amigo íntimo, daqueles que partilham um quarto ou até uma cama sem abusar, como um irmão, e tal…
 
- O D. Juan, célebre conquistador da praxe, seguro de si, cheio de gel e de roupa de marca, brilhante na arte de bem cavalgar toda a sela, exímio na lide de cativar a presa, com a cantiga toda na ponta da língua, dominando os passos do tango sem um deslize, para depois atacar e seguir em frente, pois só a fase da luta é que lhe dá tesão.
 
- O “garganta funda”, cheio de sedução e de paleio, olhares tórridos, trocadilhos ardentes, e na hora H raspa-se cheio de medo para debaixo das saias da mamã ou da legítima, onde nega tudo, ou então tem a lata de dizer que, pensando bem, nós merecemos melhor e ele afinal não se sente preparado para um relacionamento.
 
- O santinho, papa-hóstias, pai de família, marido extremoso, pilar da sociedade, que morde pela calada e vai aproveitando o pilar para desopilar com as “piquenas”, e no dia seguinte lá está logo bem cedinho na missa, preparado para mais um dia de homem sério e mais uma noite de orgia.
 
 
Ora bem, podem dizer que eu conheço os homens errados, mas a verdade é que, embora não esteja a generalizar, já encontrei na vida cada um destes palhaços, ainda que felizmente nem sempre fosse eu o alvo das suas atenções.
O 1º post é sobre o engate óbvio, rude, rasca, primitivo.
Este é sobre o engate elaborado, já de figurões com a cartilha toda, muito calejados em tourear a manada, muito sabidolas, muito melgas!
Os primeiros fazem-nos rir e os segundos aborrecem-nos de morte! Mas lamento,  nenhum deles nos faz vir…

 

publicado por Pandora às 00:23
link do post | comentar | ver comentários (17) | favorito

.mais sobre mim

. online

.pesquisar

 

.Maio 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Sexo com humor

. ENGATES ELABORADOS

.mais comentados

19 comentários
17 comentários

.arquivos

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

.tags

. todas as tags

.links

.últ. comentários

Estás como eu!Várias pontadas sinto sempre, nunca ...
ttp://www.soparaela.net/Sex Shop SoParaEla.Net, a ...
sem qualquer sombra de duvidas. concordo completam...
Os homens não contam por uma questão de orgulho. P...
Orgasmo masculino de verdade só com Aneros: http:/...
bom blog
bom blog
ConviteO livro "Continuando assim...", foi maltrat...
Technorati Profile

.subscrever feeds